• Sexta-feira, 23 de Abril de 2021
  1. Home
  2. Imprensa livre
  3. Assistência Social de Maracajá realiza reuniões com mães para retorno das atividades do Projeto Inclusão Produtiva

Imprensa livre

Assistência Social de Maracajá realiza reuniões com mães para retorno das atividades do Projeto Inclusão Produtiva

MARACAJÁ

 No início da semana - dia 22-  aconteceu na sede do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) de Maracajá, um encontro com as mulheres da comunidade de Vila Beatriz, que integram o Projeto Inclusão Produtiva.

As reuniões estão acontecendo nas comunidades que já possuem os núcleos, que são 10. Para fechar, os próximos encontros serão com as mães das localidades de Sangão Madalena e Espigão da Toca, na próxima quarta-feira, dia 3 de março.  

Os encontros são realizados pela diretora de Assistência e Bem-Estar Social, Suelen Calegari Zandonadi, primeira-dama, Claudete Rocha Brambila, segunda-dama, Lana Rocha, chefe de gabinete, Alirio Leandro, e pela servidora Sirlei Elias Inácio da Silva, e tem como principal objetivo debater com as mães a retomada das atividades, que estão paralisadas devido à pandemia.

Conforme a diretora de Bem-Estar Social, a maioria das integrantes do Projeto Inclusão Produtiva estão sinalizando que querem retornar com os encontros semanais. Atualmente são 175 inscritas no projeto."Estamos estudando o retorno das atividades, com todos os cuidados de prevenção ao Covid-19, como uso obrigatório de máscaras, utilização de álcool em gel, distanciamento social, entre outras medidas. Queremos um retorno seguro tanto para as participantes, quanto para as monitoras que ensinam as técnicas de artesanato", enfatiza.

Os encontros dos 10 grupos de mães acontecem uma vez na semana - de segunda a quinta -. "Nestes dias, nós visitamos todos os locais, onde repassamos as atividades que serão desenvolvidas naquele dia. Elas ganham todo material e disponibilizamos uma monitora para repassar as orientações e técnicas", detalhou a diretora Suelen

Reativação da Associação

Outro assunto levantado nos encontros é da reativação da Associação das Mães - Cantinho da Amizade.

A primeira-dama, Claudete Brambila, participou recentemente de um encontro em Florianópolis, a convite da primeira-dama do Estado, Késia Martins da Silva, onde conheceu o Projeto Rede Laço, um programa de incentivo ao voluntariado em Santa Catarina. "Esse projeto tem uma plataforma digital, onde podemos cadastrar associações e entidades, para receber incentivo do Governo do Estado, porém para que a Associação Cantinho da Amizade faça parte deste projeto, tem que estar regularizada", explicou a primeira-dama. Segundo Claudete, as participantes acharam interessante o Projeto Rede Laço, e ficaram de analisar a reativação.

 Local de Exposição

O Departamento de Assistência e Bem-Estar Social de Maracajá, vai tentar viabilizar junto a Administração Municipal, um local para no futuro expor os trabalhos desenvolvidos pelas integrantes do Projeto Inclusão Produtiva. De acordo a diretora do Departamento, a ideia é criar uma Espaço Rústico de Exposição, onde seriam expostos os artesanatos das mães e dos artesãos do município, e ainda produtos da agricultura familiar. "Vamos estudar a viabilidade para fazermos dentro do Parque Ecológico este espaço. Nosso objetivo é a valorização do que é produzido em nossa cidade, e ainda gerar renda para as famílias", concluiu Suelen Calegari Zandonadi. 

Fonte: Prefeitura de Maracajá

Colaboradores do Center Shopping participam de curso sobre Instagram Próximo

Colaboradores do Center Shopping participam de curso sobre Instagram

Prefeito Anibal  Brambila se reúne com o ex-prefeito de Maracajá Anterior

Prefeito Anibal Brambila se reúne com o ex-prefeito de Maracajá

Inscreva-se em nossa Newsletter

Fique por dentro das nossas novidades.