• Segunda-feira, 21 de Setembro de 2020
  1. Home
  2. Imprensa livre
  3. Grupo dos 8?

Imprensa livre

Grupo dos 8?

O PTB, que em nível municipal é presidido pelo empresário Juliandro Coelho Jacques (primeira foto) anunciou oficialmente seu ingresso no bloco político que congrega PRTB, Avante, PSC, DEM e PTC. Esse grupo tem como pré-candidato a prefeito o advogado Ricardo Ghelere e, como pré-candidata a vice-prefeita, a ex-secretária de Assistência Social e Habitação, Claudete Bianchi (ambos do PRTB).

Além disso, existem diálogos bastante avançados, para que seja definido, nos próximos dias, a adesão de novas siglas, podendo consolidar-se como “G-8”. Ao mesmo tempo, lideranças políticas do município assumiram compromisso verbal e, é questão de tempo, para ocorrer o anúncio de apoio ao mesmo bloco político.

MUITA SALIVA
Literalmente propagadas em prosa e verso, algumas articulações da política (ou seria politicagem?) araranguaense esvaem-se como poeira. Assim, aquilo que desavisados qualificavam como onda, aos poucos vai transformando-se em marolinha.

Às vezes, falar demais, subestimar a capacidade alheia e demonstrar soberba são fatais para o êxito de projetos. O escritor norte-americano Mark Twain ((1835 - 1910), preconizava que: “Como a abelha trabalha na escuridão, o pensamento trabalha no silêncio e a virtude no segredo”.

LULU PAULINO

O ex-vereador de dois mandatos e atual suplente na Câmara de Araranguá, Luiz Braz Paulinho, popular Lulu (segunda foto), reiterou aquilo que esta coluna já havia publicado: não é pré-candidato a vereador nas eleições de 2020.
Com mandatos centralizados nas áreas de assistência social e saúde pública, Lulu Paulino está cuidando da saúde e dedicando-se à empresa de sua propriedade, que oferece serviço de guincho para veículos.

ARREPENDIMENTO

Na sessão dessa quarta-feira, o vereador Adão Vieira dos Santos, Vidrinho (PSD), utilizou seu espaço na “Palavra Livre” da Câmara Municipal para desabafar. Lembrou que, o empresário Antônio Pereira, o Tonhão (leia-se AM Formaturas) revelou publicamente, o seu desapontamento pela falta de diálogo e acesso junto ao Governo de Araranguá. Tonhão (terceira foto)é histórico progressista, integrante do Diretório Municipal do Partido Progressista e, frequentemente, tem o nome sugerido para o pleito majoritário.

Em seu pronunciamento, Vidrinho Vieira dos Santos (quarta foto) também destacou que, o colega de legislativo, Tano Costa - vereador mais votado no pleito local em 2016 - também não foi valorizado pelo PP, fato que acabou resultando em sua filiação no PSD.
O vereador ainda ponderou que, em 2016, quando era filiado ao PR (atual PL) não era favorável ao ingresso do atual vice-prefeito Primo Menegalli Junior na chapa liderada pelo progressista Mariano Mazzuco Neto. “Na época, acabei cedendo ao entendimento do Primo Menegalli e do senador Jorginho Melo. O tempo demonstrou, no entanto, que o PP não valoriza muitos de seus filiados, imagina aliados ou meros interessados em colaborar. O resultado é que, nesse período pré-eleitoral fica evidente que, à dificuldades para encontrar nomes visando integrar o projeto da sucessão eleitoral”.

Arroio do Silva perde ex-vice prefeito José de Oliveira Paim Próximo

Arroio do Silva perde ex-vice prefeito José de Oliveira Paim

Rondas no bela vista geram prisões nesse final de semana Anterior

Rondas no bela vista geram prisões nesse final de semana

Inscreva-se em nossa Newsletter

Fique por dentro das nossas novidades.