• Sexta-feira, 21 de Janeiro de 2022
  1. Home
  2. Saúde
  3. Medidas de proteção contra a Covid-19 devem continuar sendo seguidas, diz infectologista

Saúde

Medidas de proteção contra a Covid-19 devem continuar sendo seguidas, diz infectologista

Médica infectologista do HU/UFSC recomenda que práticas como a utilização de máscaras e prática de passar álcool em gel nas mãos ainda sejam cumpridas para evitar contaminação da Covid-19.

Uma recomendação dada por médicos especialistas do HU/UFSC (Hospital Universitário Polydoro Ernani de São Thiago, da Universidade Federal de Santa Catarina) indica que ainda é necessário continuar tomando os devidos cuidados de proteção contra o vírus da Covid-19.

Apesar do avanço da vacinação, da redução no número de casos graves da doença e a queda de mortes por coronavírus, a pandemia continua. Entre os cuidados que podem ser tomados, a vacinação contra o vírus ainda é um dos principais.

Para a infectologista do Hospital Universitário Professor Polydoro Ernani de São Thiago, Patrícia de Almeida Vanny, é importante completar o esquema vacinal para garantir a proteção de todos. “Quem ainda não fez, deve procurar a dose de reforço, seguindo a programação anunciada pelas prefeituras”, disse.

Cuidados no verão

Com a chegada de turistas em regiões litorâneas, como Florianópolis, aglomerações são frequentes, até mesmo em locais públicos. A retomada de atividades antes paradas também fornecem o surgimento de novos casos, por isso o ideal é continuar utilizando máscaras e higienizando as mãos permanentemente.

A infectologista também recomenda evitar aglomerações, ainda mais em locais fechados, e preferir ambientes onde haja boa ventilação. A alimentação deve ser feita onde não haja aglomerações. Os idosos e as crianças precisam de proteção redobrada, tanto para evitar casos de Covid-19 quanto gripais.

Ela recomenda que, caso apresente sintomas de doenças respiratórias, deve-se isolar o paciente e procurar atendimento nas unidades de saúde, principalmente em casos de pessoas imunideprimidas, idosos e crianças.

Fonte: ND Mais 

Petrobras sobe preço da gasolina e do diesel a partir de quarta-feira Próximo

Petrobras sobe preço da gasolina e do diesel a partir de quarta-feira

Inflação dispara 10,06% em 2021, maior alta em seis anos Anterior

Inflação dispara 10,06% em 2021, maior alta em seis anos

Inscreva-se em nossa Newsletter

Fique por dentro das nossas novidades.