• Sexta-feira, 17 de Setembro de 2021
  1. Home
  2. Saúde
  3. SC recebe mais de 160 mil doses da Pfizer, mas segue sem previsão de Astrazeneca

Saúde

SC recebe mais de 160 mil doses da Pfizer, mas segue sem previsão de Astrazeneca

Interrupção de envio de imunizantes da Fiocruz ocorreu devido a um atraso na entrega de componente essencial na fabricação.

Santa Catarina recebe 162.630 doses da vacina contra Covid-19 da Pfizer na manhã desta segunda-feira (13). Mesmo assim, o repasse das vacinas da Astrazeneca segue sem uma previsão para o Estado, segundo a Dive/SC (Diretoria de Vigilância Epidemiológica).

O desembarque dos imunizantes está confirmado às 10h25, no Aeroporto Internacional Hercílio Luz, em Florianópolis. As vacinas estão destinadas à primeira aplicação.

Já a última remessa de Astrazeneca foi recebida no dia 2 de setembro, com 69 mil doses. Após duas semanas de interrupção de distribuição do imunizante, a Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) afirma que a próxima entrega está programada para esta semana. Ainda nesta segunda, o número de doses disponibilizado será divulgado.

A pausa ocorreu devido a um atraso na entrega do IFA (Ingrediente Farmacêutico Ativo), componente usado para fabricar o imunizante. O composto, importado da China, chegou no final de agosto ao país. O processo de produção da vacina leva cerca de três semanas.

No dia 2 de setembro, havia 6,1 milhões de doses na etapa de controle de qualidade e o restante em produção, conforme a fundação.

Intercambialidade de vacinas

A intercambialidade de vacinas, ou seja, o uso de duas vacinas diferentes contra a Covid-19 é uma prática que passou a ser considerada no Brasil.

O Ministério da Saúde divulgou uma nota técnica na qual afirma não recomendar a intercambialidade de vacinas, porém, há casos de exceção, como gestantes ou pessoas no puérpero que tomaram a Astrazeneca e devem completar o esquema vacinal com outro imunizante, preferencialmente com a Pfizer.

Em São Paulo, a Secretaria de Saúde anunciou na sexta-feira (10) que, a partir desta semana, quem estiver com a segunda dose da vacina Astrazeneca atrasada poderá se vacinar com Pfizer.

Segundo a Dive/SC, a prática ainda não é necessária no Estado. Há doses disponíveis para completar o esquema vacinal com a Astrazeneca até 23 de setembro.

A Fiocruz diz que, embora existam dados importantes sobre o uso de vacinas diferentes, não há informações sobre a duração da resposta imune com o uso de dois imunizantes distintos.

Fonte: Governo do Estado de Santa Catarina 

CCR ViaCosteira informa cronograma semanal de obras na BR-101 Sul Próximo

CCR ViaCosteira informa cronograma semanal de obras na BR-101 Sul

Jorge Boeira analisa situação do país e pede Anterior

Jorge Boeira analisa situação do país e pede "Deixa a gente trabalhar"

Inscreva-se em nossa Newsletter

Fique por dentro das nossas novidades.