• Quarta-feira, 08 de Julho de 2020
  1. Home
  2. Imprensa livre
  3. Araranguá tem empresa ligada ao caso dos respiradores

Imprensa livre

Araranguá tem empresa ligada ao caso dos respiradores

Empresa de Araranguá aparece no caso dos respiradores. A Edera. 
No depoimento que fez ao Ministério Público, o ex-secretario Douglas Borba cita operação feita com a empresa.

Ele afirmou que foram pagos R$ 4 milhões por 30 respiradores via a empresa Edera, pagamento tambem adiantado e os equipamentos tambem não entregues.

 

As revelações de Douglas foram publicadas pelo jornal Noticias do Dia, de Florianópolis, que teve acesso ao depoimento que consta no processo dos respiradores.

Douglas disse:
Um fato novo que eu trago, desde que a gente descobriu essa compra dos respiradores, é que o governador ordenou que fosse feita uma sindicância, uma varredura em todos os contratos durante a pandemia e nós detectamos mais um processo grave ocorrido na Secretaria da Saúde, datado de 19 de março, de mais uma compra de respiradores”.

O ex-secretário disse mais:
Na verdade, são dois processos, um de 20 e outro de 10 respiradores. Totalizam cerca de R$ 4 milhões, de uma empresa chamada Edera, o pagamento de igual forma foi feito antecipado e também não foram recebidos pelo governo do Estado os equipamentos comprados.”

O jornal Noticias do Dia acrescenta:

No dia seguinte, o ex-secretário da Saúde, Helton Zeferino, também prestou depoimento e confirmou o que disse Douglas.

Brasil assume a liderança do ranking de mortes diárias por covid-19 Próximo

Brasil assume a liderança do ranking de mortes diárias por covid-19

Cooperja desde 2017 tem recebimento superior a 4 milhões de sacas de Arroz Anterior

Cooperja desde 2017 tem recebimento superior a 4 milhões de sacas de Arroz

Inscreva-se em nossa Newsletter

Fique por dentro das nossas novidades.