• Terça-feira, 17 de Maio de 2022
  1. Home
  2. Geral
  3. Atendimento em hospital de SC é interrompido por falta de pagamento a profissionais

Geral

Atendimento em hospital de SC é interrompido por falta de pagamento a profissionais

Segundo sindicato, os funcionários estavam com salário atrasado há quatro meses

Os profissionais de saúde do Hospital São Marcos, localizado em Nova Veneza, no Sul catarinense, entraram em greve na manhã desta terça-feira (11), sob a justificativa de atraso no pagamento dos salários há quatro meses.

Segundo presidente do Sindisaúde (Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Saúde de Criciúma e Região), Cleber Cândido, por esse motivo os atendimentos ficaram parcialmente suspensos na unidade.

“Emergência e urgência não foram interrompidos, mas os demais serviços ambulatórias e eletivos sim. A situação foi normalizada com o encerramento da greve no início da tarde, após a efetivação do pagamento dos salários”, diz o presidente.

Em nota, a Prefeitura de Nova Veneza informou que recebeu com surpresa o anúncio de greve por parte dos funcionários do hospital, administrado pelo IMAS (Instituto Maria Schmitt), e que não houve paralisação nos serviços.

“Estivemos no hospital e confirmamos que em nenhum momento o hospital paralisou as suas atividades. O sindicato veio, colocou alguns cartazes e divulgou para a imprensa, mas a população de Nova Veneza, que depende dos serviços do São Marcos, pode ficar tranquila: o hospital está com o seu funcionamento em 100%”, afirma secretário de Saúde, César Pasetto

Além disso, o município esclareceu que repassa R$ 160 mil ao IMAS para a manutenção e pagamento dos funcionários do pronto atendimento e que desde o início do convênio esse valor é pago rigorosamente.

Explicação

O Instituto, por meio de nota, confirmou que houve atraso no pagamento dos salários por conta de uma mudança operacional e procedimentos administrativos burocráticos e destacou que o hospital segue funcionando normalmente sem qualquer prejuízo ao atendimento da população.

Ainda em nota, a instituição disse que os colaboradores foram previamente informados sobre a situação extraordinária e descartou qualquer possibilidade de greve na unidade de hospitalar

Leia na íntegra

O Instituto Maria Schmitt-IMAS, entidade gestora do Hospital São Marcos em Nova Veneza-SC, vem a público esclarecer sobre o pagamento salarial dos funcionários da unidade hospitalar que tiveram um pequeno atraso por conta de uma mudança operacional e procedimentos administrativos burocráticos alheios à nossa vontade. Cabe destacar ainda que a situação deve ser regularizada já nas próximas horas e que o Hospital segue funcionando normalmente sem qualquer prejuízo ao atendimento da população.

O IMAS esclarece ainda que os colaboradores foram previamente informados sobre a situação extraordinária e descarta qualquer possibilidade de greve na unidade de hospitalar. É importante destacar que desde que assumiu a gestão do Hospital São Marcos, os servidores têm recebido seus salários em dia e a direção trabalha em total sintonia com os servidores na prestação de um serviço de qualidade a população, mantendo total transparência de suas ações para que o resultado seja sempre a mútua colaboração entre as partes.

Por fim, agradecemos a compreensão de todos os servidores que diariamente contribuem para que a população de Nova Veneza e região sejam sempre acolhidos com carinho e atendimento humanizado, uma das principais marcas da gestão IMAS nas unidades em que administra. Reafirmamos ainda nosso compromisso de primar sempre pelo respeito, transparência e lisura das nossas atividades.

Fonte: ndmais

Polícia Civil de Turvo apreende adolescente vendendo crack em biqueira Próximo

Polícia Civil de Turvo apreende adolescente vendendo crack em biqueira

Unesc retoma suas atividades em horário especial Anterior

Unesc retoma suas atividades em horário especial

Inscreva-se em nossa Newsletter

Fique por dentro das nossas novidades.