• Sexta-feira, 01 de Julho de 2022
  1. Home
  2. Saúde
  3. IMAS realiza quase 24 mil atendimentos nos 10 primeiros dias do ano em suas unidades

Saúde

IMAS realiza quase 24 mil atendimentos nos 10 primeiros dias do ano em suas unidades

Em 12 diferentes unidades de saúde espalhados por Santa Catarina o Instituto registrou aumento considerável no número de atendimentos

Os primeiros dias de 2022 foram marcados por intensa procura em hospitais públicos e unidades de saúde em Santa Catarina. Um balanço oficial divulgado nesta quinta-feira, 13, pelo Instituto Maria Schmitt-IMAS, mostra uma forte elevação no número de atendimentos realizados nas 12 unidades administrados pela organização social, onde foram registrados 23.970 pacientes atendidos presencialmente.

O número abrange atendimentos presenciais realizados nas unidades incluindo emergência, consultas, exames, internações hospitalares entre outros serviços prestados no Hospital Florianópolis (considerado referência em atendimento para casos de Covid-19 na capital), Hospital Regional de Araranguá, Hospital Santo Antônio de Timbé do Sul, Hospital Dom Joaquim de Sombrio, Hospital Santo Antônio de Timbé do Sul, UPA Criciúma, UPA de Osório, UPA Balneário Camboriú, Pronto Atendimento Balneário Camboriú, Hospital São Marcos de Nova Veneza, Policlínica Regional de Araranguá, Pronto Atendimento Vila Beatriz de Maracajá e Hospital Américo Caetano do Amaral de Bom Jardim da Serra. “Este alto número de atendimentos demonstra a grande responsabilidade que o IMAS tem de zelar pela saúde dos catarinenses. Mais do que isso, mostra a nossa enorme capacidade de atender com qualidade, eficiência e respeito ao cidadão. Esses bons índices só foram possíveis graças ao esforço dos nossos mais de 1400 colaboradores que se doam diariamente no cumprimento da nobre missão que é salvar vidas”, explicou Walmiro Charão, presidente do IMAS.

O relatório do IMAS aponta que foram registrados 1034 atendimentos no Hospital Florianópolis, 3109 no Hospital Regional de Araranguá e Policlínica, 437 no Hospital Santo Antônio, 2268 no Hospital Dom Joaquim, 6125 na UPA Criciúma, 4554 na UPA Balneário Camboriú, 3345 no Pronto Atendimento Balneário Camboriú, 961 no Hospital São Marcos, 181 no Hospital de Bom Jardim, 1464 na UPA de Osório e 492 pessoas atendidas no Pronto Atendimento de Maracajá.

O presidente destacou ainda que boa parte do número de atendimentos foram de pessoas com sintomas respiratórios em função do aumento considerável de novos casos de covid-19 no estado. Charão reforçou que o IMAS está preparado para atender a crescente procura e continua em alerta, monitorando em sintonia com a Secretaria de Estado da Saúde-SES o avanço da pandemia em Santa Catarina. “Com a garra de legítimos guerreiros, nossos colaboradores seguem como verdadeiros heróis de máscara na batalha contra uma possível nova onda de infecção do vírus no estado. Só nos resta agradecer o profissionalismo e a coragem dos nossos médicos, enfermeiros, profissionais da limpeza, nutrição, técnicos, administrativo, enfim, de toda equipe que atua na linha de frente contra essa pandemia,” finalizou.

Fonte: Assessoria de Comunicação - IMAS 

Segunda geada do ano, com mínima de 1,8°C, antecede calor extremo de 40°C em SC Próximo

Segunda geada do ano, com mínima de 1,8°C, antecede calor extremo de 40°C em SC

Brasil recebe primeiro lote da vacina contra Covid-19 para crianças Anterior

Brasil recebe primeiro lote da vacina contra Covid-19 para crianças

Inscreva-se em nossa Newsletter

Fique por dentro das nossas novidades.